quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Poema para Thais Lino











A VIDA É UM SOPRO

                                      Poema para Thais Lino no Brasil
 
Há um remanso fatal
Que passa como pássaro  
No jardim de Ibyago
Habitat do intemporal.

 
Se a vida é um sopro
Que sem piedade fere,  
Enriquece e imola
Os que vivem a vida
Que se lhes foge da vida,
Rir de rir não engrandece.
Dó de doer não nobrece.
Nem dó de amar é prece.

A vida é um sopro
Que passa
Que desama o corpo
Que é morte,
Que é lapso de luz.

 Kaka Barboza

 

1 comentário:

Desenhos, arte e muita criatividade disse...

Gosto muito do poema.
Sempre estou por cá lendo e relendo.

Grande abraço meu amigo Carlos Alberto (Kaká) Barboza.

Att.
Thais Lino.

Textos Exilados

POEMAS DA COLETÂNEA - TERRA DILECTA  - CAMINHOS CANTANTES -  NÃO PUBLICADOS 1 Julho de remotos Julhos. Cíclicos Julho...