Ao Correr da Pena

Randolph - Katy Circle

Por estas bandas, hoje, o silêncio pesava bastante, muito mais do que noutros dias. A imensidade do espaço verde à minha volta parecia ter caducado porque o que sintia mesmo era falta de outra coisa; por exemplo da limpidez das rochas, do coro dos grilos do meu patio, do olhar patético da Bell deitada no mosaico, do Peregrino e da Serenata e um pouco dos afazeres domesticos.

Este hoje, 11 de Setembro, é diferente, bem diferente do daquele em que esta data abraçava uma Terça-Feira, uma Terça-Feira sombria para o coração dos homens de boa vontade. Eu estava em Assomada – Santa Catarina quando ouvi alguém gritar ‘desastre aéreo na América’. O trabalho parou porque a RDP-Africa tinha prometido voltar com novas informações. Minutos depois um outro grito ‘os aviões estão a cair e não se sabe o porquê’... tudo isso estava acontecendo na pacata e cristã Cidade de Assomada que mal podia avaliar os impactos daí advenientes.

Em sinal de respeito recordo, homenageando as vitimas e os seus familiares, os policiais e os bombeiros de Nova York, os médicos e para-médicos, o imigrante anónimo que lacrimejou no altar da solidariedade, revivendo, ainda, os vitimados de anteontem pelo furacão Katrina que, neste momento, anseiam por reencontar os seus e lutam para resgatar a tranquilidade que dantes possuiam.

Ontem, em Brocton, assisti a um seminário promovido pela Instituição de Crédito - HarbourOne, coordenado pelo Sr. Aguinaldo Fonseca, encontro que visava instruir os participantes sobre a modalidade de crédito para a obtenção de casa própria, o palel das agências de mediação – Martins & Associates, os contratos de compra e venda e a legalidade – Nathanson & Goldberg – José Centeio (Jurista) a manutenção e ou reparação, vistorias e procedimentos afins – Tiger Home Inspection e o seguro patrimonial – Gonçalves Agency, sendo a maior parte dos presentes originários de Cabo Verde. Hoje, o posicionamento de um número cada vez mais alargado de competencias sobretudo em áreas de promoção da defesa dos interesses individuais e da comunidade no geral é o garante seguro do seu rebustecimento permanente.

Se esta componente é um autêntico ganho colectivo não é menos verdade que ganhos maiores decorrerão da assunção plena das formas de participação cívica na vida comunitária e nos eventos culturais intra e extra localidades.

O Berklee Performance Center de ontem à noite (Sábado) foi tomado de assalto e a maioria era originária de Cabo Verde. A grande sala de espectaculos de impecável sonorização contou com um belo show da cantora Lura. É a moderna música cabo-verdiana a ser testada ante um público acostumado às nuances puras da morna e da coladera. O ‘batuko’ estilizado é um sopro novo trazido pela artista para a apreciação da assistência, assim como o estilo da morna recuperada da forma de tocar do camponês de Santiago - o chamado funaná lento – com o Na Ri Na suscitar um amplo coro e aplausos da plateia. A comunicação por via de gestos e de expressão corporal ajudou bastante na descodificação de temas cujas mensagens vinham em metáfora.

Cabo Verde vai estar em alta nas digressões da artista por cinco grande cidades americanas.

Randolph, Sep 11-2005

Textos Exilados

POEMAS DA COLETÂNEA - TERRA DILECTA  - CAMINHOS CANTANTES -  NÃO PUBLICADOS 1 Julho de remotos Julhos. Cíclicos Julho...