sábado, 17 de setembro de 2011

Coisas do Guita

Eu disse a ela: “Posso não ser rico, não ter dinheiro ou condomínio ou

carros ou empresas como o meu amigo John… mas amo-te e adoro-te”.

Ela olhou-me, com lágrimas saindo dos seus olhos e abraçou-me como se

não existisse o amanhã e disse bem baixinho no meu ouvido: “Se me

amas, apresenta-me o John…”

Sem comentários:

Prefácio da obra Gruta Abençoada

NOTA DE LEITURA Boa Entrada é tudo menos lugar erótico, mas, sim, uma ribeira exótica e cativante, situada na margem direita da sed...