segunda-feira, 10 de agosto de 2009

TERA DE ABERAÇÕES


VERRÕES TURRÍSTICOS CV

Descuido não é certamente. De propósito também não deve ser. Raízes étnicas longínquas? Talvez!... A má apropriação das palavras, do seu sentido e da pronúncia, deve ser, seguramente, uma das razões por que se desconfia do ALUPEC e é levado com xuxadeira.

Em certos lugares de venda de petiscos escreve-se nas tabuletas em português:
TEMOS MORREIA; PERNA AÇADU; CACHUPA GUIZADO; PEXE FRITO – TUDO BARRATO
Nas rádios e televisões diz-se em português:
Durrão Barozu; Barraki Obáma; Verrão 2009; Rádio (r) rastado.
Reziste Predial; Reziste de nascimente; Todoj oj anos temoj o horrário único.

Pior do que isso é admitir e propagandear que há VERRÃO no arquipélago lá porque o tempo vira quente e húmido por causa do período das chuvas. Na geografia do tempo das ilhas sabe-se que elas estão sob as influências do período seco ou das brisas e período quente das chuvas ou das águas.

Que verão turístico (propagandeado) é este sabendo que:
1. Em finais de Julho até Outubro sobem as monções do sul para a nossa zona, um convite ao convívio com o calor húmido e a espera das chuvas.
2. Chovendo, as cheias inundam a boca das ribeiras enlodam e enlixam a beira-mar.
3. É período do mar grosso que mata todos os anos em kebra Kanela, Prainha, Gamboa e San Francisco.
4. É período das moscas, das diarreias e do paludismo.

Podemos alguma vez vir a CORIGIR essas coisas incluindo essa mania de VERRÃO inexistente em Cabo Verde, para…. Tempo de Azágua ou Período/Ocasião/ Quente?
Esta é uma tera de aberações.

3 comentários:

Amílcar Tavares disse...

Assino por baixo do post, caro Kaka. Realmente, faz-me impressão ouvir a dicção dos "jornalistas" da radio e da TV nacionais.

velu disse...

É realmente um atentado! Mas como sempre, conseguiste fazer-me rir com vontade! Tenho uma série de "flashs" que escrevo quando estou com energia para isso.... dia destes te envio! Valeu pela risada!

Anónimo disse...

Hilariante! Força lá, e continua a encantar-nos com a tua pena.

Pimintinha

Txabeta Em Estado de Alerta

                                                                                                                                     ...