domingo, 11 de março de 2012

Registo do Dia



Estive presente na gala CVMA e gostei da organização do evento e da forma como se trabalhou nos bastidores e tabém da assistência. Houve muito profissionalismo. Sejamos claros. As partes importantes do evento contou com o saber fazer de um grupo de profissionais portugueses que levaram a coisa a sério e à risca.

Na minha opinião isto é que os caboverdianos têm de aprender de vez se quizerem dar o salto. Não é só projectar, programar e monitorar de ânimo leve o decurso dos papéis de cada responsável. É orientar e zelar para que cada coisa feita tenha o acabamento final de excelência. Esteve-se impecável porque o público esperado sabia-se exigente. Parabéns a CVMA, os seus mentores e a prestigiada assistência.

Não posso deixar de acrescentar que, neste caso, o que foi feito e da forma como o foi, embora está-se a dar os primeiros passos em actos desta grandeza, esta Gala da Música foi um grande momento nacional causador de impactos positivos nas pessoas, na sociedade, na economia e na cultura do país e com fortes incursões além fronteiras porque transmitida em directo para o mundo pela nossa televisão nacional. Foi um espectáculo muito emocionante, muito digno e respeitoso.

Temos de poder trabalhar mais para se elevar ainda mais os patamares de qualidade a que esta grande festa da música chegou, dando os compositores, os músicos, os interpretes, os produtores, os comunicadores, os críticos e estudiosos da música e bem assim os consumidores, a oportunidade de se mostrarem e de avaliarem melhor o quanto vale a pena trabalhar a sério, mostrar qualidade e capacidade criativa, sendo tudo isso um desafio grande em que todos estamos engajados e que impõe educação, aprendizagem constante, disponibilidade e sacrifícios.

Podemos e temos a obrigação de poder chagar lá, a níveis superiores de realização dos nossos sonhos.  Viva a música.
KB  

Sem comentários:

Textos Exilados

POEMAS DA COLETÂNEA - TERRA DILECTA  - CAMINHOS CANTANTES -  NÃO PUBLICADOS 1 Julho de remotos Julhos. Cíclicos Julho...