segunda-feira, 30 de novembro de 2009

DISCO URSO 3


Oração aos meus felicitantes do Liberal Online


Cabra Preta milagrosa, que pelo monte do fogo subistes, trazei-me todos os meus felicitantes, todos esses católicos, cordeiros de boa língua, que andam a pintar-me e a acariciar o meu nome nos jornais e na praça pública.

Todos eles, sem distinção, macho e fêmea, assim como canta o galo, zurra o burro, toca o sino e berra a cabra, assim hão de um dia chegar à minha igreja, para com gestos hipócritas, língua oculta, mãos unidas e de desculpas em desculpas ajoelharem aos pés da cruz gamada.

Cabra Preta milagrosa, assim como Caifás, Satanás, Ferrabrás, fazei com que esses cordeiros se dominem, para que caiam feito lesmas, presos ao lodo do seu sangue, debaixo do pé do monte em fogo.

Esses filhos de boa gente, filhos do céu não hão-de de lhes faltar a vontade de continuarem a trilhar o trilho que sonharam; com sede hão-de ficar e de acabar no deserto das suas bondades; de lança, de forca e fogo serão aliviados no altar da sua timidez; Luz e mais luz hão de enxergar, e jamais às trevas seguirão com os poderes da Cabra Preta milagrosa.

Odiosos e inimigos do homem, com dois, eu vos vejo, com três, eu vos prendo; com Caifás, Satanás e Ferrabrás, eu vos destino para as trevas.

Eis esta oração, rezada com uma faca de ponta em fogo na mão direita e diante de um prato de cera negra em líquido, para atiçar mais a vossa esperança de partir, e vos afastar de vez do convívio dos sãos, nos lares, nas ruas e em todos os espaços de domínio público.

Confio os poderes á Cabra Preta Milagrosa. (kb)

1 comentário:

Anónimo disse...

Há um sorriso perdido por aí, há uma mão que busca outra mão gémea, há um beijo vagabundo à procura de um rosto, e há um abraço solidário contra a solidão.
Há, afinal, tanto mundo por aí à solta. Um deles é para Ti.
Boas Festas.

Façam favor de ser felizes!

Feliz Natal e Bom Ano

ZCunha

Textos Exilados

POEMAS DA COLETÂNEA - TERRA DILECTA  - CAMINHOS CANTANTES -  NÃO PUBLICADOS 1 Julho de remotos Julhos. Cíclicos Julho...